Atos aumenta presença nos EUA com aquisição da Syntel

iStock
Atos fornece serviços de TI para setores que vão do aeroespacial ao varejo

A empresa francesa de serviços de tecnologia da informação Atos está ampliando suas operações na América do Norte com um acordo em dinheiro de US$ 3,4 bilhões para comprar a fornecedora de serviços de TI Syntel, com sede em Michigan.

VEJA TAMBÉM: Gigantes de tecnologia serão concorrentes de sistema financeiro

A Atos, que fornece serviços de TI para setores que vão do aeroespacial ao varejo, disse que o acordo para comprar a Syntel fortalecerá suas atividades nos segmentos bancário, financeiro e de seguros, permitindo soluções completas de tecnologia da informação aos clientes nos EUA.

“O acordo aumentará significativamente o perfil de crescimento e lucratividade da divisão Business & Platform Solutions por meio de uma oferta ampliada de serviços digitais, plataformas de entrega baseadas na Índia, além de sinergias de receita e custo”, disse Thierry Breton, presidente-executivo da Atos, em comunicado.

A aquisição da Syntel, uma empresa de 38 anos com 23 mil funcionários, vem depois da tentativa frustrada da Atos no ano passado de comprar a Gemalto.

A Syntel fornece tecnologia e serviços de TI utilizando uma rede de centros de desenvolvimento de software na Índia.

A Atos pagará US$ 41 por ação, um ágio de 4,78% ante o preço de fechamento de US$ 39,13 da Syntel na sexta-feira (20). Incluindo a dívida líquida, a transação está avaliada em cerca de US$ 3,57 bilhões.

LEIA: 10 tecnologias emergentes e como adotá-las em sua empresa

A Atos disse que espera que o acordo forneça crescimento de dois dígitos no lucro por ação a partir de 2019, com a Syntel trazendo ao grupo cerca de US$ 1 bilhão em receita e uma margem operacional de cerca de 24%.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).