Resultados trimestrais da IBM superam estimativas

Getty Images
Empresa se beneficia do crescimento de negócios de maior margem, incluindo segurança cibernética e computação em nuvem

A IBM divulgou ontem (18) lucro e receita do segundo trimestre acima das expectativas de analistas, na medida em que se beneficia do crescimento de negócios de maior margem, incluindo segurança cibernética e computação em nuvem.

VEJA TAMBÉM: Empresas de joias se unem à IBM por tecnologia blockchain

Os investidores da IBM estão focando no que a companhia chama de imperativos estratégicos – alto crescimento de negócios espalhados por várias divisões – para compensar o enfraquecimento em suas unidades de hardware e softwares.

Os novos negócios, que incluem análise de dados e segurança cibernética, cresceram 15%, para US$ 10,1 bilhões, representando juntos pouco mais da metade da receita da IBM.

A receita cresceu por três trimestres consecutivos e, no geral, subiu cerca de 4%, para US$ 20 bilhões, superando a média de estimativas de analistas de US$ 19,85 bilhões, de acordo com o Thomson Reuters I/B/E/S.

O lucro líquido subiu para US$ 2,4 bilhões, ou US$ 2,61 por ação, no trimestre terminado em 30 de junho, ante US$ 2,33 bilhões, ou US$ 2,48 por ação, um ano antes.

LEIA: Lucro da IBM não atinge estimativa e ações caem

Excluindo itens, a IBM lucrou US$ 3,08 por ação, excedendo as expectativas de analistas de US$ 3,04 por ação.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).