Garmin tem lucro acima do esperado no trimestre

A Garmin, com sede na Suíça, disse que o lucro líquido subiu para US$ 190,3 milhões, ou US$ 1 por ação, no segundo trimestre encerrado em 30 de junho

A Garmin divulgou hoje (1) lucro trimestral melhor que o esperado e elevou sua previsão para o ano inteiro, ajudada pelo aumento da demanda por seus dispositivos de fitness e atividades ao ar livre, tais como relógios com GPS e rastreadores de animais domésticos.

LEIA MAIS: Nintendo tem alta de 88% lucro, acima do esperado

A Garmin, com sede na Suíça, disse que o lucro líquido subiu para US$ 190,3 milhões, ou US$ 1 por ação, no segundo trimestre encerrado em 30 de junho, ante US$ 177 milhões, ou US$ 0,94 por ação de um ano antes.

Excluindo itens extraordinários, a empresa lucrou US$ 0,99 por ação, acima da estimativa média dos analistas de US$ 0,87 por ação, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S.

A empresa elevou sua projeção de lucro anual para US$ 3,30 por ação em uma base pro forma, ante previsão anterior de US$ 3,05 por ação.

As vendas líquidas aumentaram 7,6%, para US$ 894,5 milhões. Analistas esperavam, em média, receita de US$ 845,7 milhões.

As vendas no segmento de fitness subiram 24,3%, para US$ 225,1 milhões, e as vendas no segmento de atividades ao ar livre subiu cerca de 4%, para US$ 201,6 milhões.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).