Ladrões roubam coroas de família real da Suécia

Reprodução/Reuters
Ninguém foi preso ainda e nenhum suspeito foi identificado

Ladrões roubaram duas coroas e um orbe da coleção da família real sueca, fugindo em uma lancha depois do furto.

LEIA: 22 maiores assaltos da história

As coroas de valor inestimável foram levadas de uma catedral em Strängnäs, localizada cerca de uma hora ao oeste da capital Estocolmo, no horário de almoço de terça-feira (31), disse a polícia.

Os ladrões quebraram uma caixa de vidro que continha os emblemas funerários do rei Carlos 9º e de sua esposa, a rainha Kristina, e levaram as duas coroas e o orbe do século 17.

Depois, fugiram em uma lancha que os esperava a poucos metros no lago Malaren, o terceiro maior do país, segundo as autoridades.

Ninguém foi preso ainda e nenhum suspeito foi identificado, mas a polícia está divulgando o roubo para tentar recuperar os artefatos.

“Queremos divulgar informações e fotos destes itens para que possam ser identificados como objetos roubados”, disse o porta-voz da polícia, Thomas Agnevik.

VEJA TAMBÉM: 10 maiores roubos de obras de arte

O rei Carlos 9º morreu em 1611 e a rainha Kristina em 1625. Os itens têm valor inestimável, e a polícia disse que será muito difícil vendê-los no mercado aberto.

“O que normalmente acontece com este tipo de objeto é que eles são recuperados mais cedo ou mais tarde, porque há poucas pessoas preparadas para lidar com itens do tipo”, disse Agnevik. “Temos muita esperança de recuperá-los.”

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).