Plano de renovação da Gol envolve 135 aeronaves

iStock
As novas aeronaves da Gol serão entregues a cada 40 dias, aproximadamente

O presidente-executivo da Gol, Paulo Kakinoff, disse ontem (28) que o plano de renovação de frota da companhia envolve 135 aeronaves encomendadas da Boeing até 2027, sendo que uma aeronave será entregue a cada 40 dias, aproximadamente.

LEIA MAIS: Gol tem prejuízo de R$ 1,3 bi no 2º trimestre

Falando a jornalistas após a apresentação do novo 737 MAX 8, que será inicialmente destinado a rotas internacionais, Kakinoff afirmou que o novo modelo possibilita a expansão da malha, devido ao alcance maior e à economia de combustível.

Segundo Kakinoff, o voo de Brasília para a Flórida (EUA) será a maior distância já percorrida por um 737, com voo de oito horas.

Sobre a expansão de destinos, Kakinoff afirmou que 80% da capacidade que será gerada pelos novos aviões nos próximos três anos será alocada para destinos internacionais.

“Pode ser em novos destinos ou para lugares que já voamos”, disse, acrescentando que a empresa vê a possibilidade de, em média, ter um novo destino internacional a cada semestre.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).