Receita trimestral da Nike cresce acima do esperado

Montagem
Montagem

A Nike superou levemente a estimativa média de analistas para a receita trimestral, quando novos lançamentos de calçados e vestuário impulsionaram as vendas na América do Norte.

LEIA MAIS: Caso Nike e Colin Kaepernick mostra o poder de ter um propósito

A receita subiu 9,7%, para US$ 9,95 bilhões, superando as estimativas de US$ 9,94 bilhões, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S.

Na América do Norte, as vendas cresceram 6%, segunda alta seguida, mostrando sinais de recuperação após a concorrência das rivais Adidas e da Under Armour pressionarem as vendas em três dos últimos quatro trimestres.

O lucro líquido da empresa subiu para US$ 1,09 bilhão, ou US$ 0,67 por ação, no trimestre encerrado em 31 de agosto, ante US$ 950 milhões, ou US$ 0,57 por ação, um ano antes.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).