Bunge considera venda e conversa com investidores

Getty Images
A empresa de agronegócio está concluindo acordos para formar um comitê para explorar uma possível venda

A Bunge está concluindo acordos com seus investidores ativistas D.E. Shaw and Co e Continental Grain para acrescentar mais quatro diretores ao seu conselho e formar um comitê para explorar uma possível venda, disseram hoje (30) duas fontes com conhecimento do assunto.

LEIA MAIS: CEO da Bunge confia em melhor resultado no 2º semestre

O acordo foi noticiado pela primeira vez pelo “Wall Street Journal”, que mais cedo neste mês disse que a D.E. Shaw aumentou a sua participação na trading de grãos e estava trabalhando com a Continental Grain para realizar melhoras operacionais na empresa.

A Bunge, a D.E. Shaw e a Continental Grain não responderam aos pedidos de entrevista.

As fontes, que não puderam ser identificadas porque o acordo ainda não é público, disseram que três novos diretores seriam anunciados amanhã (31), quando a Bunge espera reportar seus resultados semestrais. Um quarto seria anunciado em seu devido tempo.

A Reuters informou em março que a Continental Grain pressionaria a Bunge a considerar uma venda em potencial, depois que a rival Archer Daniels Midland abordou a trading sobre uma eventual aquisição.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).