Demanda por caminhões melhora previsões da Volvo

A sueca Volvo melhorou expectativas para a demanda de caminhões na Europa em 2018, depois de obter resultados acima do esperado para o terceiro trimestre. A companhia, que, além de caminhões, produz equipamentos para construção, ônibus e motores, também estimou uma demanda mais alta para 2019 na América do Norte, seu outro grande mercado.

LEIA MAIS: Volkswagen planeja IPO em divisão de caminhões e ônibus

A empresa teve margem de lucro ajustado de 11,1% no trimestre, superando meta de 10% graças a menores custos de pesquisa e desenvolvimento, aumento de utilização de capacidade produtiva e vendas maiores.

O lucro operacional ajustado da Volvo no terceiro trimestre subiu para 10,25 bilhões de coroas suecas (US$ 1,13 bilhão) ante 6,95 bilhões de coroas um ano antes. A expectativa média de analistas era de resultado positivo em 9,59 bilhões de coroas suecas.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).