Ipiranga é vice-líder na distribuição de diesel

iStock
Na média do primeiro trimestre, a Ipiranga figurava em terceiro lugar, com participação de mercado nas vendas de diesel de 19,75%

A Ipiranga, do grupo Ultrapar, retomou o segundo lugar na lista das principais distribuidoras de diesel no Brasil, na média do primeiro semestre deste ano, com participação de mercado de 21,13%, segundo dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) publicados hoje (17).

LEIA MAIS: Canal da Peça fecha parceria com a Ipiranga

Na média do primeiro trimestre, a Ipiranga figurava em terceiro lugar, com participação de mercado nas vendas de diesel de 19,75%, atrás da Raízen, joint venture entre Cosan e Shell, com 21,05% no primeiro semestre (contra 21,10% no primeiro trimestre).

A BR Distribuidora, da Petrobras, segue em primeiro lugar, com participação de mercado nas vendas de diesel de 31,10% na primeira metade do ano, ante 31,07% no primeiro trimestre.

A controlada da Petrobras tinha 31,46% do mercado de distribuição de diesel no primeiro semestre de 2017, enquanto a Ipiranga possuía 21,58% e a Raízen 20,41%.

A ANP não divulgou dados isolados do segundo trimestre.

FORNECIMENTO

Já em relação ao fornecimento de diesel no Brasil, a Petrobras ganhou mercado, diante da dificuldade de importadores com o programa de subsídios do governo.

A empresa apareceu com 78,13% no fechamento do primeiro semestre, ante 72,41% no primeiro trimestre.

VEJA TAMBÉM: Polícia investiga BR, Ipiranga e Raízen por controle de preço de combustíveis

Empresas importadoras concorrentes da Petrobras têm apresentado dificuldades para importar o diesel depois que o governo lançou um programa de subsídio do combustível, alegando que os ressarcimentos pagos pelo estado não são suficientes para remunerar suas atividades.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).