JBS renova linha de crédito de US$ 900 mi nos EUA

Paulo Whitaker/Reuters
Logo da JBS na cidade de Jundiaí, Brasil

A JBS renovou antecipadamente uma linha de crédito rotativo de US$ 900 milhões nos Estados Unidos, pelos próximos cinco anos, em condições similares à operação anterior, disse a empresa em fato relevante hoje (15).

LEIA MAIS: Como a JBS tornou-se uma das multinacionais mais promissoras do Brasil

A nova linha de crédito foi sindicalizada por 11 bancos em condições de preço similares à operação anterior, que tinha o vencimento previsto para setembro de 2019, disse a JBS. Além disso, a subsidiária JBS Austrália contratou com um banco australiano nova linha de crédito rotativo, no valor de 200 milhões de dólares australianos, garantida pelos próximos dois anos.

“A contratação das duas operações assegura e amplia a liquidez das subsidiárias da companhia nos Estados Unidos e Austrália e também demonstra a confiança dos bancos locais na solidez e desempenho dos negócios da JBS naquelas respectivas regiões”, disse a empresa em fato relevante.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).