Cade aprova compartilhamento de rede entre TIM e Oi

Getty Images
Acordo aprova o compartilhamento de rede entre TIM e Oi para a implantação e prestação de serviços com 4G

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou hoje (7 ), sem restrições, a operação de compartilhamento de rede entre as operadoras de telefonia TIM e Oi, para a implantação e prestação de serviços de telefonia e banda larga sob a tecnologia 4G em todo o Brasil, informou o órgão antitrustre.

LEIA MAIS: TIM tem lucro bilionário no 3º tri, 379,3% maior

O relator da operação no Cade, conselheiro João Paulo de Resende, disse que o acordo, embora apresente algumas preocupações concorrenciais, traz ganhos de eficiência.

“Temos evidências empíricas, fornecidas pela Anatel, apontando que desde que o compartilhamento começou a ser implementado, o custo do minuto de tráfego para o cliente de ambas as empresas tem diminuído”, disse o relator.

A aprovação do Cade se refere a um aditivo ao contrato original entre as operadoras, que já previa o compartilhamento da rede física, como torres e outros equipamentos. Resende explicou que o novo acordo introduz o uso conjunto de radiofrequência e aumenta o número de localidades onde se encontra a rede física, a serem compartilhadas pelas operadoras.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).