Lucro da BR no 3º tri dispara, mas Ebitda recua 40%

Forbes
O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado somou R$ 631 milhões

A BR Distribuidora, empresa de distribuição de combustíveis controlada pela Petrobras, registrou aumento no lucro líquido de 173,6% no terceiro trimestre, para R$ 1,08 bilhão, segundo comunicado divulgado no final da noite de ontem (5).

LEIA MAIS: Lucro líquido da BR Distribuidora salta 276%

O incremento no lucro deveu-se principalmente aos eventos extraordinários ocorridos no trimestre, como o impacto positivo da quitação do passivo fiscal com o Estado de Mato Grosso (R$ 645 milhões) e o recebimento de R$ 463 milhões da Eletrobras, com efeito de R$ 294 milhões no lucro líquido.

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado somou R$ 631 milhões, queda de 40,2% na comparação anual.

No entanto, houve um aumento de 24,2% no Ebitda ajustado ante o segundo trimestre, quando o resultado foi afetado pela greve dos caminhoneiros, além da lenta recuperação da economia.

O volume de vendas da empresa caiu 3% na comparação anual, para 10,97 milhões de metros cúbicos no terceiro trimestre.

“O fraco desempenho econômico do país ao longo dos últimos nove meses refletido pela baixa performance da indústria e do comércio tem afetado o crescimento dos segmentos de rede de postos e principalmente mercado de grandes consumidores”, disse a BR Distribuidora.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).