Mercado fraco força Babytree a reduzir preço-alvo de IPO

Getty Images
Plataforma pretendia levantar US$ 1 bi, mas só arrecadou US$ 281 mi na bolsa de Hong Kong

A Babytree, financiada pelo Alibaba, fez hoje (14) uma oferta pública inicial (IPO, na sigla em inglês) na bolsa de Hong Kong de até US$ 281 milhões, muito abaixo do que a companhia chinesa esperava levantar, já que mercados enfraquecidos forçaram as empresas a limitar suas ambições de financiamento.

LEIA MAIS: Alibaba arrecada US$ 30,7 bi com Dia dos Solteiros

A plataforma para troca de experiências entre pais planeja vender cerca de 250 milhões de ações, ou 15% de seu capital social ampliado, a uma faixa de US$ 6,8 bilhões a US$ 8,8 bilhões, o que lhe dá uma valorização potencial de até US$ 1,87 bilhão, segundo fontes a par do acordo.

Isso está abaixo da avaliação de US$ 2 bilhões que a empresa recebeu no final de maio, quando o gigante de comércio eletrônico Alibaba investiu US$ 214 milhões na Babytree.

A plataforma tinha como objetivo inicial levantar US$ 1 bilhão com o IPO, mas os mercados em queda forçaram a empresa a reduzir sua meta.

A Babytree é a mais recente empresa a reduzir drasticamente suas ambições de financiamento em Hong Kong, embora o centro financeiro continue a caminho de se tornar o maior centro de IPO do mundo em volume.

O desempenho recente das operações de abertura de capital tem sido fraco, em parte devido aos mercados abalados pela guerra comercial entre China e Estados Unidos e às preocupações com a desaceleração do crescimento na segunda maior economia do mundo. O índice de referência de Hong Kong, Hang Seng, caiu 14% este ano.

VEJA TAMBÉM: JBS fecha acordo de até US$ 1,5 bi com Alibaba

O site de viagens online Tongcheng-Elong também reduziu o tamanho do seu IPO planejado, enquanto a Tencent Music Entertainment, braço de streaming de música da Tencent, colocou seus planos de listagem em espera depois de uma forte liquidação em outubro.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).