Tesla corta preços de carros na China

Getty Images
A medida surge em meio às severas tensões entre China e Estados Unidos, que resultaram em tarifas adicionais impostas a produtos norte-americanos importados para o país, incluindo automóveis

A Tesla está cortando os preços do carros Model X e Model S na China, informou hoje (23) a companhia norte-americana, em uma mudança na estratégia que a fará sentir mais o impacto das tarifas desencadeadas pela guerra comercial entre China e Estados Unidos.

LEIA MAIS: Robyn Denholm presidirá conselho da Tesla

A montadora de veículos elétricos, liderada pelo bilionário Elon Musk, disse que reduzirá os preços dos dois modelos entre12% e 26% para tornar os carros mais “acessíveis” no maior mercado de automóveis do mundo, onde as vendas dos chamados veículos de energia nova sobem rapidamente.

A medida surge em meio às severas tensões entre China e Estados Unidos, que resultaram em tarifas adicionais impostas a produtos norte-americanos importados para o país, incluindo automóveis, o que prejudicou a Tesla. A montadora atualmente importa todos os carros que vende no mercado chinês.

“Estamos absorvendo parte significativa da tarifa para ajudar a tornar nossos carros mais acessíveis aos clientes na China”, informou a montadora em comunicado enviado à Reuters.

A iniciativa marca uma mudança em relação a julho, quando a Tesla foi uma das primeiras montadoras norte-americanas a elevar preços no mercado, em respostas às tarifas. A companhia aumentou os preços dos carros Model X e S em cerca de 20%.

No mês passado, a Tesla advertiu que enfrentava problemas com a venda de carros na China por causa das novas tarifas que forçariam a companhia a acelerar os investimentos na primeira gigafábrica no exterior, em Xangai.

VEJA TAMBÉM: Tesla lança versão média do Model 3 a US$ 45 mil

A montadora garantiu o local para instalação no mês passado, o que a ajudará a evitar tarifas de importação.

A companhia, que recentemente iniciou as pré-vendas do novo Model 3 na China, acrescentou no comunicado que o preço de etiqueta do automóvel partiria de 540 mil iuanes (US$ 77,9 mil) para versão com motor duplo.

Antes do aumento de preço em julho, a Tesla reduziu os preços em seus modelos na China em maio, após Pequim ter dito que cortaria as tarifas de importação para todos os automóveis.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).