Ultrapar vê recuperação de negócios em 2019

iStock
Ultrapar é dona da rede de postos Ipiranga

O grupo Ultrapar espera que seus resultados no quarto trimestre mostrem continuação de evolução antes os trimestres anteriores e um crescimento “importante” no lucro operacional do próximo ano, afirmou o diretor financeiro da empresa, André Pires.

“Do ponto de vista operacional, esperamos um aumento importante do Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) em 2019, com melhoras em todos os negócios da Ultrapar, com destaque para a Ipiranga”, disse Pires em teleconferência com analistas da empresa ontem (8).

LEIA MAIS: Ultrapar corta investimentos para 2018

O executivo citou que as expectativas de um melhor desempenho da economia no próximo ano aliadas a um “certo alívio nos preços” devem impulsionar os volumes de vendas de combustíveis na Ipiranga, principal divisão do grupo.

Pires comentou ainda que a Ultrapar deve encerrar 2018 com um volume total de recursos investidos “substancialmente menor” que os cerca de R$ 2,7 bilhões orçados no final de 2017 para este ano.

A redução será permitida por aumento de seletividade da companhia na abertura de novos postos de combustíveis e priorização de rentabilidade do grupo. Questionado sobre fechamento de lojas da rede farmácias Extrafarma no terceiro trimestre, Pires afirmou sem dar detalhes que a empresa segue sendo um dos pilares de crescimento futuro para a Ultrapar e que os fechamentos decorreram de menos tolerância da companhia sobre lojas que não estejam apresentando os resultados esperados pelo grupo.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).