Valor de mercado da Microsoft alcança o da Apple

Getty Images
Empresa chegou hoje a US$ 816 bi; fabricante de iPhones vale US$ 823 bi

Depois de quatro meses após a Apple romper a marca de US$ 1 trilhão, a fabricante de iPhones está prestes a perder a liderança como empresa de maior valor em Wall Street para a Microsoft.

LEIA MAIS: Microsoft supera previsões de resultado trimestral

Impulsionada por uma ampla recuperação nos índices de ações dos EUA hoje (26), a Microsoft avançou 3,1%, levando seu valor de mercado para um recorde de US$ 816 bilhões. Ao mesmo tempo, as ações da Apple subiam 0,63%, deixando seu valor de mercado em US$ 823 bilhões.

Mais cedo, o papel da Apple caiu e o valor de mercado das empresas tendo uma diferença de cerca de US$ 3 bilhões.

As ações de tecnologia foram punidas nos últimos meses à medida que investidores estão temerosos em relação às crescentes taxas de juros e repercussão de um conflito comercial entre os EUA e a China.

Mas a Apple sofreu mais do que qualquer outro gigante do Vale do Silício, caindo 23% desde que alertou, em 1º de novembro, que as vendas do crucial período de festas de fim de ano ficaria abaixo das expectativas de Wall Street.

A demanda global por smartphones perdeu força nos últimos anos, impedindo que a Apple aumente mais sua receita.

VEJA TAMBÉM: Cofundador da Microsoft Paul Allen morre aos 65 anos

A capitalização de mercado da gigante criada por Steve Jobs superou a da Microsoft em 2010 à medida que a fabricante de softwares do Windows lutava contra a fraca demanda por computadores, devido em parte à explosão de smartphones puxada pelo iPhone.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).