Tüv Süd diz que 2 funcionários foram presos no Brasil

Reuters
A empresa alemã confirmou que seus funcionários foram detidos no Brasil

A alemã Tüv Süd afirmou hoje (29) que dois de seus funcionários foram presos no Brasil, à medida que autoridades iniciam uma investigação criminal na sequência da ruptura devastadora de uma barragem da Vale em Brumadinho (MG).

LEIA MAIS: Vale perde R$ 70 bi em valor e tem rating negativado

Promotores no Brasil prenderam três funcionários brasileiros da mineradora Vale e duas pessoas encarregadas do atestado de segurança da barragem do Córrego do Feijão.

A empresa alemã, que realiza inspeções industriais, incluindo em barragens e dutos, confirmou que seus funcionários foram detidos no Brasil.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).