Odebrecht segue como controladora da Braskem

Getty Images
O Odebrecht possui 50,1% do capital votante da Braskem

A Odebrecht segue sendo controladora indireta da Braskem após uma reestruturação societária no grupo de engenharia atingido pelas investigações da Operação Lava Jato.

LEIA MAIS: Odebrecht oferece controle da Atvos a credores

A Braskem informou hoje (1) que a participação detida pela Odebrecht na companhia, por meio da Odebrecht Serviços e Participações (OSP), foi transferida para a OSP Investimentos.

“Os movimentos societários ocorreram dentro do Grupo Odebrecht, permanecendo a Odebrecht SA como controladora indireta da Braskem”, afirmou a petroquímica, alvo de interesse de aquisição pela europeia LyondellBasell.

O Odebrecht possui 50,1% do capital votante da Braskem, enquanto a Petrobras detém 47%.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).