Governo de SP anuncia vigilância por drones

Getty Images
As aquisições devem ocorrer por meio de licitações ainda neste semestre

O governador de São Paulo, João Doria, anunciou hoje (12) a implantação de um programa de vigilância da Polícia Militar por meio de drones, o Dronepol. O governo paulista vai comprar 208 drones para o programa, em um investimento estimado em mais de R$ 6,3 milhões.

LEIA MAIS: Google faz primeira entrega com drone na Austrália

As aquisições devem ocorrer por meio de licitações ainda neste semestre e a entrega dos equipamentos deve ser feita até outubro.

“O custo operacional para drone é 140 vezes menor do que o custo operacional de um helicóptero da Polícia Militar… E a funcionalidade e eficiência chega a ser superior, dado ao fato de que o drone pode fazer voos em baixa altitude”, disse Doria em comunicado à imprensa.

Os drones serão integrados ao sistema Olho de Águia da Polícia Militar, um programa de monitoração em tempo real que envia as imagens captadas para o Centro de Operações da PM, informou o governo do Estado.

Antes da utilização, os drones deverão ser homologados pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e pelo Departamento de Controle de Espaço Aéreo (DCEA), além de estarem de acordo com normas da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Os policiais que utilizarão os drones deverão passar por cursos específicos.


Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).