Ingresso para “Vingadores” chega a US$ 500 no eBay

Reprodução Reuters
A pré-venda de ingressos para o filme de super-heróis da Marvel “Vingadores: Ultimato” ultrapassou ontem (2) os valores das entradas para os dois últimos filmes “Star Wars”

A pré-venda de ingressos para o filme de super-heróis da MarvelVingadores: Ultimato” ultrapassou ontem (2) os valores das entradas para os dois últimos filmes “Star Wars“, e alguns apareceram em sites de revenda por até US$ 500.

VEJA TAMBÉM: “Vingadores: Guerra Infinita” arrecada US$ 1,16 bi

Fandango e Atom – dois dos maiores sites de ingressos dos Estados Unidos – disseram que o primeiro dia de vendas antecipadas para a produção da Disney superou “Star Wars: O Despertar da Força”, de 2015, e “Star Wars: Os Últimos Jedi”, de 2017, também da Disney, mas não informaram cifras.

O novo filme dos Vingadores, que une vários personagens dos quadrinhos, como Homem de Ferro, Capitã Marvel, Viúva Negra, Thor e Homem-Formiga, marca a conclusão de 22 filmes da Marvel. Pesquisas feitas no ano passado com fãs mostraram que ele é o título mais aguardado de 2019.

“As vendas de ‘Vingadores: Ultimato’ superaram todas as expectativas e ultrapassaram ‘Star Wars: O Despertar da Força’, o detentor anterior do recorde, em apenas seis horas. O filme é o mais vendido do Fandango nas primeira 24 horas”, disse o editor do site, Erik Davis, em um comunicado.

O Atom disse que o filme estabeleceu um recorde em seu serviço de venda em aparelhos móveis, vendendo três vezes mais entradas na primeira hora do que “Vingadores: Guerra Infinita”, de 2018.

E AINDA: “Vingadores: Guerra Infinita” quebra recorde

“Vingadores: Ultimato” inicia sua exibição global no dia 24 de abril na Austrália e na China e começa a ser exibido no Brasil no dia seguinte.

No eBay, um ingresso para a estreia em uma sala IMAX de Hollywood estava sendo oferecido por US$ 500, e os lances iniciais para outros bilhetes eram de cerca de US$ 35 cada.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).