Luiz Figueiredo desiste de presidir conselho da Caixa

Reuters
Banco concluiu que há conflito de interesses, já que executivo é sócio-fundador da Mauá Capital

O ex-diretor do Banco Central e sócio-fundador da gestora de recursos Mauá Capital, Luiz Fernando Figueiredo, anunciou hoje (10) que desistiu de assumir a presidência do conselho de administração da Caixa Econômica Federal.

LEIA MAIS: Caixa abre programa de demissão voluntária na próxima semana

A decisão veio após o comitê de elegibilidade do banco ter concluído que a participação de Figueiredo no conselho, mantendo sua condição de sócio da Mauá Capital, poderia representar conflito de interesses.

“Diante disso e dado o compromisso que tenho com meus sócios e clientes, como venho explicitando já há algum tempo, tomei a decisão de abrir mão do conselho da Caixa”, afirmou o executivo em nota publicada em sua conta no LinkedIn.

Figueiredo havia sido indicado inicialmente pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, para ser membro do conselho de administração do Banco do Brasil, mas a indicação também foi suspensa devido a questionamentos sobre eventual conflito de interesses.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).