Vendas do Queen disparam após “Bohemian Rhapsody”

Reuters
O Queen vendeu mais de 731 mil álbuns – mais do que qualquer outro artista

A banda britânica de rock Queen vendeu mais álbuns na América do Norte do que qualquer outro artista no primeiro semestre de 2019, à medida que as músicas de filmes e programas de televisão fazem os streamings e downloads subirem.

LEIA MAIS: 4 lições do Queen para o universo do blockchain

Um relatório de meio do ano da Nielsen Music divulgado hoje (27) afirmou que a trilha sonora do musical “Bohemian Rhapsody”, que venceu quatro prêmios no Oscar, foi o título de rock de melhor venda nos primeiros seis meses de 2019, com a compilação “Greatest Hits 1”, do Queen, ficando em segundo lugar.

O Queen vendeu mais de 731 mil álbuns – mais do que qualquer outro artista – bem como músicas digitais, com mais de 1,3 milhão de downloads, segundo a Nielsen.

Em fevereiro, o Queen se tornou a primeira banda de rock a abrir a cerimônia do Oscar, em Hollywood, com uma performance ao vivo de “We Will Rock You” e “We Are the Champions”.

A performance de Lady Gaga e do ator e diretor Bradley Cooper nos palcos do Oscar de seu dueto “Shallow”, do filme “Nasce uma Estrela”, também fez as vendas aumentarem. A balada romântica teve 648 mil músicas digitais baixadas até agora no ano, de acordo com o relatório.

O filme biográfico de Elton John, “Rocketman”, levou a um ganho de 138% nas vendas de álbuns para o cantor e compositor britânico na primeira semana após o lançamento do filme nos cinemas, em 31 de maio.

VEJA TAMBÉM: “Bohemian Rhapsody” faz US$ 122 mi na estreia

A colaboração do rapper Post Malone com Swae Lee na música “Sunflower” foi para as paradas da Billboard Hot 100 em janeiro, após ser exibida no filme de animação “Homem-Aranha: No Aranhaverso”.

A música teve um aumento de 170% nas rádios, e o vídeo foi visto mais de 642 milhões de vezes no YouTube.

O relatório usou dados compilados pela Nielsen Music entre 4 de janeiro e 20 de junho.


Siga FORBES Brasil nas redes sociais:
Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
Baixe o app de Forbes Brasil na Play Store e na App Store

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).