A pedidos, Trump recua em algumas restrições a Huawei

Jonathan Ernst/Reuters
Casa Branca aceita pedido de conceder licenças pontuais à marca chinesa

O presidente dos EUA, Donald Trump, se reuniu ontem (22) com executivos de sete empresas de tecnologia e aceitou o pedido deles para conceder licenças pontuais do Departamento de Comércio para a chinesa Huawei, segundo a Casa Branca.

LEIA MAIS: Plataforma ao estilo Nasdaq tem forte estreia na China

“Os CEOs expressaram forte apoio às políticas do presidente, incluindo restrições à segurança nacional nas compras e vendas de equipamentos de telecomunicações dos Estados Unidos para a Huawei”, disse um comunicado. “Eles solicitaram decisões de licenciamento pontuais do Departamento de Comércio, e o presidente concordou”, afirmou.

Os CEOs da Micron, da Western Digital, da Qualcomm, da do Alphabet, dona do Google, da Cisco, da Intel e da Broadcom participaram da reunião, disse o comunicado.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook

Twitter

Instagram

YouTube

Baixe o app de Forbes Brasil na Play Store e na App Store

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).