Dólar cai ante real de olho em Previdência

Reuters
Às 11:26, a moeda norte-americana recuava 0,13%, a R$ 3,7467 na venda

O dólar caía ante o real hoje (12), com o mercado atento às discussões sobre o texto da reforma da Previdência e ao cronograma de votação da proposta na Câmara dos Deputados.

LEIA MAIS: Dólar engata 3ª queda seguida ante o real

Às 11:26, a moeda norte-americana recuava 0,13%, a R$ 3,7467 na venda. Na mínima, a cotação voltou a testar os níveis de R$ 3,73, no piso desde o fim de fevereiro.

O noticiário sobre o andamento da reforma da Previdência segue no foco. O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou nesta sexta-feira que trabalha para conseguir encerrar a tramitação da reforma da Previdência na Casa antes do recesso parlamentar, mas reconheceu que a votação da proposta em segundo turno pode ficar para a próxima semana.

A queda do dólar nesta sessão se deve em parte também ao tom “dovish” (suave) do chair do Federal Reserve, Jerome Powell, cujas mais recentes mensagens têm respaldado apostas de corte de juros nos Estados Unidos, movimento que poderia atrair capital ao país.

Mas analistas ainda citam riscos relacionados à guerra comercial EUA-China e à desaceleração econômica global. Por isso, alguns preferem operar real contra outras moedas.

O BNP Paribas mantém estratégia de compra de real versus euro, por entender que o real está excessivamente depreciado, distante das taxas indicadas por modelos de taxa de câmbio de equilíbrio, que segundo estrategistas do banco francês sugerem dólar em torno de R$ 3,50.

Já o Goldman Sachs enxerga valor no “trade” real contra dólar australiano.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook

Twitter

Instagram

YouTube

Baixe o app de Forbes Brasil na Play Store e na App Store

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).