Laurene Powell Jobs e as outras 56 mulheres mais ricas dos EUA

Após um ano de alta no mercado de ações, as mulheres da lista The Forbes 400 estão mais ricas do que nunca. Bilionárias, a origem de suas fortunas que varia de moda e entretenimento a imóveis e finanças. O patrimônio de todas soma cerca de US$ 330 bilhões. Em 2017, o total era de US$ 315 bilhões.

LEIA TAMBÉM: 60 mulheres self-made mais ricas da América

No ranking de 2018, no qual há o maior ponto de corte de todos os tempos, US$ 2,1 bilhões, 55 mulheres foram listadas, além de outras duas que aparecem junto a seus maridos. Em comparação, havia 50 mulheres na Forbes 400 do ano passado, além de outras cinco listadas como parte de um casal. A maioria delas (41) é herdeira, enquanto 11 construíram suas fortunas a partir do zero. As cinco restantes constróem e impulsionam os negócios que herdaram.

A mulher mais rica dos EUA é Alice Walton, com fortuna estimada em US$ 44,9 bilhões. A herdeira do Walmart não está envolvida na gestão da gigante do varejo, mas faz parte do conselho da fundação de sua família, que desembolsou US$ 536 milhões em 2017, principalmente, para causas educacionais e ambientais e para projetos nas montanhas Ozark (EUA). Seu patrimônio líquido aumentou em mais de US$ 6 bilhões no ano passado, graças a um salto de 20% nas ações do Walmart, impulsionado em parte pelas vendas de comércio eletrônico nos EUA, que subiram 40% no último trimestre. Sua cunhada Christy Walton, viúva de seu irmão John, e suas primas, Anne Walter Kroenke e Nancy Walton Laurie, também estão na lista.

Pela primeira vez, a viúva de Steve Jobs, Laurene Powell Jobs, chega ao top 20 da The Forbes 400, com um patrimônio líquido de US$ 20,5 bilhões. A aluna de Stanford, que conheceu o famoso cofundador da Apple enquanto ele dava uma palestra na escola de negócios da universidade, investiu sua fortuna na Emerson Collective, sua organização de mudança social. A entidade filantrópica de defesa e investimento apoiou várias iniciativas em mídia, educação, imigração e justiça social, tais quais a Make School, uma escola de codificação que permite que os alunos só paguem mensalidades depois de conseguir um emprego, e a Scoot Networks, que produz scooters elétricas. laurene também possui investimento na “The Atlantic Magazine”, e fez parceria com o Concordia Studio para criar documentários com o cineasta vencedor do Oscar Davis Guggenheim. Laurene também foi produtora do “The Price Of Free”, do Concordia (que anteriormente era chamado de Kailash), um filme sobre escravidão infantil e tráfico humano, que ganhou um prêmio no Festival de Sundance deste ano.

SAIBA MAIS: Bilionária cria prédio mais alto da Cidade do México

Três mulheres entraram no ranking The Forbes 400 pela primeira vez neste ano. A mais rica é a herdeira do In-N-Out Burger, Lynsi Snyder, 36 anos, que estréia com um patrimônio líquido de US$ 3 bilhões. Ela se tornou bilionária em 2017 quando a porção final de sua herança foi distribuída. É também a mulher mais jovem do grupo. Lynsi é herdeira da famosa rede de hamburguerias da Costa Oeste, fundada por seus avós, em 1948. Ela herdou sua fortuna ainda jovem devido às mortes de seu tio e, em seguida, de seu pai. A mais nova bilionária começou a trabalhar na rede quando adolescente e assumiu a presidência em 2010.

Outra novata na The Forbes 400 é Thai Lee, a imigrante feminina mais rica dos Estados Unidos e uma das 11 mulheres que construíram um império sozinhas. Aos 59 anos, ela também é a mais jovem autodidata. Filha de um economista coreano, Thai nasceu em Bangcoc, na Tailândia, e cresceu na Coreia do Sul, mas mudou-se para os Estados Unidos ainda adolescente, na época do ensino médio. A formação no Amherst College e na Harvard Business School a impulsionou a trabalhar na Procter & Gamble e na American Express, dando início à compra de um pequeno revendedor de software por menos de US$ 1 milhão, ao lado do ex-marido, em 1989. A firma Software House International (SHI) se tornou um dos maiores negócios comandados por imigrantes nos EUA, com US$ 8,5 bilhões em vendas e tendo Boeing e AT&T como clientes. A revendedora de TI, que começou a comercializar licenças de negócios para softwares, expandiu para vender aplicativos personalizados e serviços de consultoria, como gerenciamento de data center e verificações de segurança de rede.

A lista das mulheres mais ricas da The Forbes 400 inclui Diane Hendricks (US$ 6,8 bilhões), que administra a maior distribuidora de atacado do país; Marian Ilitch (US$ 4 bilhões), cofundadora da rede Little Caesars Pizza; e Judy Faulkner (US$ 3,5 bilhões), cuja empresa de software de registros médicos armazena dados de mais de 200 milhões de norte-americanos.

Veja na galeria de fotos a seguir as 11 mulheres mais ricas dos Estados Unidos:

  • Alice Walton
    Fonte: Walmart
    Patrimônio líquido: US$ 44,9 bilhões

  • Jacqueline Mars
    Fonte: doces, pet food
    Patrimônio líquido: US$ 24 bilhões

  • Laurene Powell Jobs
    Fonte: Apple, Disney
    Patrimônio líquido: US$ 20,5 bilhões

  • Abigail Johnson
    Fonte: gestão de dinheiro
    Patrimônio líquido: US$ 17,3 bilhões

  • Blair Parry-Okeden
    Fonte: mídia automotiva
    Patrimônio líquido: US$ 9,3 bilhões

  • Pauline MacMillan Keinath
    Fonte: Cargill
    Patrimônio líquido: US$ 7,8 bilhões

  • Christy Walton
    Fonte: Walmart
    Patrimônio líquido: US$ 7,2 bilhões

  • Diane Hendricks
    Fonte: seguros
    Patrimônio líquido: US$ 6,8 bilhões

  • Ann Walton Kroenke
    Fonte: Walmart
    Patrimônio líquido: US$ 6,5 bilhões

  • Dannine Avara, Milane Frantz, Randa Williams (irmãs)
    Fonte: software
    Patrimônio líquido: US$ 6,2 bilhões cada

  • Katharine Rayner (foto) e Margaretta Taylor (irmãs)
    Fonte: mídia automotiva
    Patrimônio líquido: US$ 6,2 bilhões cada

Alice Walton
Fonte: Walmart
Patrimônio líquido: US$ 44,9 bilhões

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).