App transmite jogos da Copa em realidade virtual

Reprodução/Reuters
Todas as partidas serão transmitidas ao vivo pelo novo app e pelos aplicativos da NBC Sports

A Telemundo está decidida a ser o principal canal de televisão em espanhol da Copa do Mundo 2018. A rede acaba de lançar o aplicativo Telemundo Deportes VR (não disponível nas lojas brasileiras) e várias outras iniciativas digitais para proporcionar uma experiência inesquecível, especialmente para os fãs de futebol latinos millennial.

LEIA MAIS: Os números por trás da Copa do Mundo FIFA 2018

Segundo uma pesquisa encomendada pela empresa, há 61 milhões de fãs de futebol nos Estados Unidos, onde a modalidade é o principal esporte entre os hispânicos. O estudo aponta que o fã norte-americano de futebol médio é 10 anos mais jovem que o fã de outros esportes médio. É por isso que a rede não poupou recursos para criar uma estratégia digital abrangente e inovadora para a Copa na Rússia.

“É realmente a era de ouro do futebol nos EUA. É um momento perfeito para a Copa do Mundo, pois o futebol é o esporte mais multicultural e mais popular entre os millennial norte-americanos”, diz Peter E. Blacker, vice-presidente executivo de Negócios Digitais e Emergentes da Telemundo.

Todas as partidas serão transmitidas ao vivo pelo novo app e pelos aplicativos da NBC Sports. Mas a realidade virtual terá um grande papel na cobertura da empresa latina. Pela primeira vez, os fãs poderão assistir a todos os 64 jogos como se estivessem no estádio na Rússia. Duas câmera extras proporcionam um “olhar mais atento” em cada jogo.

“Com a experiência de realidade virtual, quando você olha para a frente, vê o campo de jogo. Enquanto o jogo acontece, é possível ter diferentes perspectivas”, explica Blacker. O aplicativo também traz conteúdo de 360° da cerimônia de abertura (fará o mesmo no encerramento), além de vídeos de curta duração e clipes multiângulo quase ao vivo de outras cenas por trás dos bastidores. A experiência de realidade virtual é disponível ao vivo durante o jogo. A Telemundo faz, então, uma curadoria dos principais momentos, que podem ser vistos depois. É claro, os fãs terão que colocar os óculos de realidade virtual para aproveitar tudo isso.

“O que é realmente empolgante foi poder projetar com a Fifa um novo padrão sobre como acompanhar a Copa do Mundo”. Blacker refere-se à autorização da Telemundo para a exibição de vídeos dos jogos em novas plataformas. “Uma das primeiras coisas que fizemos quando conquistamos o direito de televisionar a Copa foi pressionar a FIFA para realmente poder transformar a experiência de audiência em engajamento dos fãs, levando o jogo para plataformas em que nunca estiveram antes”, diz.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).