8 maneiras como viagens espaciais vão mudar o mundo

Viagens espaciais acessíveis ainda são um pouco difíceis de serem imaginadas em nossos nível atual de tecnologia. No entanto, empresas como SpaceX e Blue Origin trabalham para que isso se torne realidade o quanto antes.

LEIA MAIS: SpaceX lança novo foguete projetado para futuras missões tripuladas

Perguntamos aos membros do Conselho de Tecnologia da FORBES o que eles pensam sobre o futuro das viagens espaciais comerciais e o que isso pode significar para o futuro da área tecnológica. As respostas sugerem novas oportunidades de tirar o fôlego para a humanidade e para a economia em geral.

Veja, na galeria de fotos a seguir, 8 maneiras como viagens espaciais irão mudar o mundo:

  • 1. A próxima fronteira da humanidade

    “É fundamental conquistar o espaço para garantir a sobrevivência a longo prazo da humanidade. No curto prazo, é ótimo ver pessoas com visão e força financeira tomarem medidas corajosas para ampliar nossas capacidades espaciais. Os esforços do governo e dos políticos não conseguem igualar o impulso comercial e empreendedor. Devemos esperar que esses pioneiros do espaço encontrem modelos de negócios reais e sustentáveis ​​que prosperem e cresçam a longo prazo”, diz Rick Braddy, da SoftNAS Inc.

  • 2. Oportunidades infinitas

    “SpaceX e Blue Origin, entre outras, trabalham para viabilizar viagens espaciais. Enquanto a competição cresce, o que vemos não é nada comparado ao que veremos nos próximos anos, uma vez que a exploração mineral espacial se torne uma realidade. Então, veremos um retorno aos dias da corrida do ouro, com centenas, se não forem milhares, de competidores no mercado de exploração espacial”, afirma Daniel Levitt, da Bioz

  • 3. Baixa órbita terrestre

    “Veremos a indústria do espaço privado se preparar para vender passagens para pessoas ricas. Como a concorrência continua a aumentar, os preços vão diminuir, o que vai tornar a exploração espacial uma realidade para muitas pessoas”, prevê Thomas Griffin, da OptinMonster.

  • 4. Mais recursos

    “É sempre um bom sinal quando outra grande empresa com acesso a muitos recursos entre no negócio. A Amazon vai ajudar a tornar as viagens espaciais acessíveis. Este primeiro voo de sucesso prova que eles estão realmente dispostos a realizar este objetivo. Não que a SpaceX já não fale sério, mas a entrada da Amazon dá outra razão para melhorar sua tecnologia, ainda mais rapidamente. Tudo somado, é definitivamente uma ótima notícia para a indústria espacial”, diz Vikram Joshi, da pulsd.

  • 5. Hospitalidade em ambientes inóspitos

    O avanço das tecnologias espaciais é estimulante. Com setores privados competindo para criar opções de viagens espaciais comerciais para os consumidores, o futuro não tão distante oferece oportunidades que a humanidade só sonhava. Nos próximos anos, isso irá evoluir para a hospitalidade do espaço: hotéis em órbita e resorts lunares já têm sido projetados. Será inspirador”, afirma Michael Gargiulo, da VPN.com.

  • 6. Exposição à radiação espacial

    Precisamos lembrar que há grandes riscos de exposição à radiação quando se pensa em viagens espaciais comerciais. Por exemplo, na missão a Marte, prevê-se que um humano possa estar exposto a doses mortais de radiação imprevisíveis. Alguns sugerem que alguns abrigos especiais sejam necessários para proteger os astronautas, outros aconselham o AstroRad, um traje espacial para proteger as missões tripuladas contra o espaço profundo”, conta Dr. Karin Lachmi, da Bioz.

  • 7. Inovação Ativada

    A corrida espacial nos deu enormes avanços em tecnologia. À medida que esta corrida se abrir de vez à iniciativa privada, haverá um aumento exponencial da inovação e da pesquisa científica básica, o que impulsionará muitos setores. Haverá várias empresas que nos levarão ao espaço, à Lua e potencialmente além. Isso abrirá portas para sermos uma espécie multiplanetária ou potencialmente uma espécie não-planetária”, diz Viren Gupta, da Eponym.

  • 8. Algo Maior

    A transição de uma indústria altamente regulamentada e apoiada pelo governo, no século 20, para um ambiente voltado ao setor privado, no qual a concorrência prospera, no século 21, criou uma indústria altamente comercializável e veloz. A área espacial continuará a crescer em ritmo veloz, graças aos investidores, e levará a muitos avanços que incluem não só uma viagem a Marte, mas a mineração de recursos espaciais, viagens mais rápidas e muito mais. O que vemos agora é apenas o começo de uma indústria espacial que segue a todo vapor”, afirma Alexandro Pando, da Xyrupt.

1. A próxima fronteira da humanidade

“É fundamental conquistar o espaço para garantir a sobrevivência a longo prazo da humanidade. No curto prazo, é ótimo ver pessoas com visão e força financeira tomarem medidas corajosas para ampliar nossas capacidades espaciais. Os esforços do governo e dos políticos não conseguem igualar o impulso comercial e empreendedor. Devemos esperar que esses pioneiros do espaço encontrem modelos de negócios reais e sustentáveis ​​que prosperem e cresçam a longo prazo”, diz Rick Braddy, da SoftNAS Inc.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).