12 dicas para manter o calendário editorial organizado

iStock
Material forte responde às perguntas sobre as quais as pessoas estão pesquisando

Criar conteúdo rapidamente tornou-se uma das principais atividades das equipes de marketing da maioria das marcas. Postagens em blogs e redes sociais, vídeos e outros recursos servem para reforçar o know-how de uma empresa ao mesmo tempo em que cria confiança e interesse em sua base de clientes atual e potencial.

LEIA MAIS: C-level: como alcançar os mais altos cargos executivos

Como a demanda por conteúdo único e original continua crescendo, a melhor maneira de manter-se no ritmo é manter um calendário editorial sólido e bem organizado. Seja por meio de uma planilha simples ou de uma ferramenta formal de gerenciamento de projetos, planejar seu conteúdo com antecedência pode ajudá-lo a manter o controle sobre as datas limites de longo prazo.

Veja, na galeria de fotos abaixo, 12 dicas do Forbes Agency Council para manter seu calendário editorial organizado:

  • 1. Construa uma espinha dorsal forte, mas deixe espaço para a flexibilidade

    Comece por um brainstorm, com uma lista das perguntas mais frequentes. Esta deve ser a espinha dorsal do seu conteúdo. Material forte responde às perguntas sobre as quais as pessoas estão pesquisando. Dessa forma, você as atrairá, como o especialista que responde as dúvidas. Deixe espaço no seu calendário para flexibilidade, de maneira a deixar mais dinâmicos os conteúdos sobre cultura pop e os avanços da indústria. A principal prioridade é aumentar o seu calendário agendando conteúdo forte. – Katie Harris, da Sport On Solutions

  • 2. Seja específico

    Acompanhar de perto o calendário editorial é um componente fundamental para o sucesso do marketing de conteúdo. Crie listas de tópicos, atribua conteúdo interno e estabeleça datas de publicação específicas no calendário que não sejam apenas estimativas aproximadas e que atinjam um público-alvo específico. Seja específico. – Timothy Nichols, do ExactDrive, Inc

  • 3. Planeje um cronograma que cubra todas as fases da sua campanha

    Comece com o intervalo de datas que você precisa para tornar a campanha pública. A partir daí, faça um cronograma retroativo para planejar todas as fases da campanha e desenvolvimentos paralelos que incluam outros departamentos. Dê a si mesmo dias extras se houver alguma fase de revisão de terceiros. Por fim, divulgue o calendário para todas os envolvidos e certifique-se de que haja acordo e responsabilidade para cumprir os prazos. – Jessica Hawthorne-Castro, da hawthornedirect.com

  • 4. Crie um calendário ideal e um calendário necessário

    Muitas vezes, as marcas começam criando seu calendário dos sonhos, com muitos novos conteúdos sendo gerados constantemente. Isso é ótimo, mas é necessário que haja outro que defina quais desses prazos e peças de conteúdo são absolutamente necessários para que uma campanha funcione. Então, comece certificando-se de fazer tudo no calendário necessário e, se houver mais tempo, faça o resto. – Rafael Romis, da Weberous Web Design

  • 5. Envolva influenciadores

    É um fato nos negócios: as marcas ficam ocupadas. Se a equipe não conseguir produzir conteúdo de qualidade suficiente, em uma base consistente, para preencher um calendário editorial, envolva os influenciadores para produzir conteúdo de alta qualidade (e autêntico) que seja adaptado aos canais sociais da sua marca. – Danielle Wiley, do Sway Group

  • 6. Tenha um processo editorial definido para responder a eventos oportunos

    Os calendários editoriais são tediosos e desatualizados a partir do minuto em que são criados. Um processo editorial definido, no entanto, dá a você a flexibilidade de criar conteúdo no momento em que é necessário, reagindo ou até mesmo iniciando conversas oportunas. Foco no processo e na velocidade permitirá planejar a espontaneidade. – Jerrid Grimm, da Pressboard

  • 7. Acompanhe os prazos curtos e longos em uma planilha bem organizada

    Além de fundamentais, planilhas são ótimas representações visuais da linha do tempo e do conteúdo que precisa ser preparado e publicado a tempo para marcos de relevância editorial, como lançamentos, feriados ou temporadas. Concentre-se na sobreposição de ângulos de conteúdo para que ele permaneça atualizado e você esteja lidando com prazos curtos e longos simultaneamente. – Sara Shake, da Mad

  • 8. Reutilize todo o conteúdo

    Os usuários consomem conteúdo de maneiras diferentes em todas as plataformas. Concentre-se na criação de conteúdo perene, que pode ser reutilizado e adicionado ao longo do tempo. Certifique-se de distribuí-lo em todas as plataformas de mídia social. À medida que você aprende a aproveitar a distribuição de sua mídia, verá que é mais fácil preencher seu calendário editorial. – Breynan Hammons, da Innvio

  • 9. Compartilhe o processo

    A criação de conteúdo deve ser compartilhada, não isolada. Envolva várias pessoas, criando um processo e tendo etapas definidas. Ter prazos para passar o projeto para outras pessoas para edição, revisão e design ajuda a manter o autor no caminho certo. Dessa forma, projetos maiores, como whitepapers (relatórios de conteúdos mais profundos ou técnicos), serão mantidos em andamento, em vez de depender de uma pessoa só. – Nicole Mahoney, da Break the Ice Media

  • 10. Planeje, meça e refine

    Os esforços de marketing de conteúdo mais bem-sucedidos começam com uma estratégia forte e um planejamento cuidadoso, e são focados na personalidade do comprador. Invista tempo para ser atencioso e mapeie tipos específicos de conteúdo, temas e posicionamento para o ano inteiro de uma só vez. No início de cada novo trimestre, analise o desempenho até a data e refine seu conteúdo planejado para o resto do ano de acordo com os resultados obtidos até então. – Keri Witman, da Cleriti

  • 11. Diversifique sua experiência no assunto

    Implemente planos estratégicos para regularidade e temas de longo prazo, de maneira a garantir que cada publicação atenda a um propósito. Seja entrando na conversa durante um feriado ou certificando-se de que você está diversificando o assunto, ser capaz de ver o caminho a seguir é a chave para medir o sucesso e a interação do público-alvo. Alinhe os executivos com antecedência para uma liderança de pensamento apropriada, aumentando assim o valor e a conscientização. – Scott Kellner, da GPJ

  • 12. Entenda sua filosofia editorial geral

    Embora o marketing de conteúdo seja poderoso para as marcas, muitas empresas concentram sua atenção na forma da publicação e não em uma filosofia abrangente. Se você conhece a filosofia ou a ideologia que deseja compartilhar, pode procurar eventos e oportunidades que permitam turbiná-las. Isso permitirá que você crie um conteúdo mais autêntico e valioso. – Hamid Ghanadan, da LINUS

1. Construa uma espinha dorsal forte, mas deixe espaço para a flexibilidade

Comece por um brainstorm, com uma lista das perguntas mais frequentes. Esta deve ser a espinha dorsal do seu conteúdo. Material forte responde às perguntas sobre as quais as pessoas estão pesquisando. Dessa forma, você as atrairá, como o especialista que responde as dúvidas. Deixe espaço no seu calendário para flexibilidade, de maneira a deixar mais dinâmicos os conteúdos sobre cultura pop e os avanços da indústria. A principal prioridade é aumentar o seu calendário agendando conteúdo forte. – Katie Harris, da Sport On Solutions

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).