3 perguntas poderosas usadas pelos super-ricos

iStock
Perguntas poderosas como as abaixo explicadas podem ser fundamentais para ajudá-lo a se tornar mais bem-sucedido profissionalmente

A capacidade de desenvolver uma boa compreensão dos outros é característica dos super-ricos (patrimônio líquido = US$ 500 milhões ou mais) e de muitos profissionais engajados por eles. Isso tende a resultar na construção de bons relacionamentos, e você pode aprender muito sobre eles.

LEIA MAIS: Conheça os 9 maiores bilionários brasileiros

Segundo renomado consultor pessoal para empresários e ricos Frank Carone, “primeiro ouça; depois, escute mais”. “O uso de perguntas para produzir resultados é fundamental para o sucesso de meus clientes, assim como para meu próprio sucesso. No meu trabalho como negociador, uso perguntas para encontrar maneiras de ajudar outras partes a atingirem seus objetivos, o que, por sua vez, leva-me a obter dos meus clientes os resultados que eles desejam”, completa.

Perguntas poderosas como as abaixo explicadas podem ser fundamentais para ajudá-lo a se tornar mais bem-sucedido profissionalmente. Além disso, elas podem ser eficazes em sua vida pessoal.

Para obter uma perspectiva melhor, veja, na galeria de fotos abaixo, 3 perguntas poderosas utilizadas sempre por super-ricos:

  • 1. O que você acha?

    Por quê: é comprovado que a pessoa com quem você conversa está disposta e é capaz de compartilhar os seus pontos de vista.

    Quando: a pergunta é útil em todo o relacionamento com alguém. Sempre que uma ação precisa ser tomada, geralmente é muito útil saber em que página a outra pessoa está.

    Objetivos e benefícios: reunir inteligência e ganhar perspectiva no pensamento e nas preferências das pessoas com quem você lida é sempre benéfico.

  • 2. O que você quer alcançar?

    Por quê: As pessoas têm metas e objetivos que são muito importantes para elas. É válido saber mais sobre eles.

    Quando: Desde o início do relacionamento, vale a pena entender o que a outra pessoa quer fazer e, se possível, por quê.

    Objetivos e benefícios: Saber o que alguém quer realizar o informa sobre o grau de sobreposição entre as agendas de todas as partes.

  • 3. Como posso ajudá-lo?

    Por quê: Na maioria das vezes, as pessoas buscam maneiras de se beneficiarem. O objetivo é determinar como você pode ser solidário e entregar valor à outra pessoa.

    Quando: Em qualquer impasse ou quando a outra pessoa estiver lidando com alguma dificuldade, a pergunta é apropriada.

    Objetivos e benefícios: Do cuidado básico e preocupação em ajudar a facilitar o sucesso e melhorar significativamente o relacionamento, sua disposição em ajudar a outra pessoa é muito valiosa.

1. O que você acha?

Por quê: é comprovado que a pessoa com quem você conversa está disposta e é capaz de compartilhar os seus pontos de vista.

Quando: a pergunta é útil em todo o relacionamento com alguém. Sempre que uma ação precisa ser tomada, geralmente é muito útil saber em que página a outra pessoa está.

Objetivos e benefícios: reunir inteligência e ganhar perspectiva no pensamento e nas preferências das pessoas com quem você lida é sempre benéfico.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).