Alibaba compra startup alemã de análise de dados

Presidente da Data Artisans, Kostas Tzoumas, afirmou que o <alt>Alibaba</alt> vai investir também um valor não revelado na companhia para desenvolver software open source.
Presidente da Data Artisans, Kostas Tzoumas, afirmou que o Alibaba vai investir também um valor não revelado na companhia para desenvolver software open source.

O grupo chinês de comércio eletrônico Alibaba comprou a startup alemã de análise de dados Data Artisans, disse a empresa com sede em Berlim, em um acordo de cerca de € 90 milhões, segundo a mídia alemã.

VEJA TAMBÉM: Grupo Minerva fecha acordo com Alibaba e mais 5 chinesas

A transação marca a primeira aquisição completa por uma companhia chinesa no crescente mercado de empresas iniciantes de tecnologia de Berlim. No último acordo significativo, a Tencent Holdings , rival do Alibaba, participou de uma rodada de financiamento de US$ 160 milhões para o banco online N26, em março de 2018.

O presidente da Data Artisans, Kostas Tzoumas, afirmou que o Alibaba vai investir também um valor não revelado na companhia para desenvolver o Apache Flink, software open source para processamento de grandes volumes de dados e para expandir a empresa em novas áreas.

O preço de aquisição foi de € 90 milhões de acordo com a mídia local, incluindo o jornal alemão “Handelsblatt”. A Data Artisans se recusou a comentar sobre o preço da transação.

O Alibaba, que compete com a gigante norte-americana de comércio eletrônico Amazon.com, era cliente da Data Artisans desde 2016. A empresa alemã, criada em 2014, também atende a clientes como Netflix e Uber.

Os serviços da Data Artisans incluem “detecção em tempo real de fraudes, interação direta com internautas e transações financeiras” disse Tzoumas.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).