Jeff Bezos dará US$ 35 bi em ações a MacKenzie

Getty Images
Mackenzie receberá, com os recursos, mais de US$ 35 bilhões, o que fará dela a terceira mulher mais rica do mundo

Resumo da notícia:

  • O fundador e CEO da Amazon, Jeff Bezos, vai transferir 4% das ações da empresa, no acordo do divórcio, até o início de julho para a esposa MacKenzie;
  • Mackenzie receberá, com os recursos, mais de US$ 35 bilhões, o que fará dela a terceira mulher mais rica do mundo;
  • Jeff Bezos continuará sendo a pessoa mais rica do planeta, com um patrimônio acima de US$ 110 bilhões.

Jeff Bezos, fundador e CEO da Amazon, anunciou hoje (4) que irá transferir cerca de 4% das ações da empresa para sua esposa, MacKenzie, provavelmente até o início de julho. O casal está em processo de finalização do divórcio.

LEIA MAIS: Como uma vingança da ex de Bezos causaria estragos na Amazon

Essas ações valem, hoje, mais de US$ 35 bilhões, o que faria de MacKenzie a terceira mulher mais rica do mundo, atrás apenas de Françoise Bettencourt Meyers, da L’Oréal, que tem uma fortuna estimada em US$ 52,9 bilhões, e de Alice Walton, do Walmart, com US$ 45 bilhões. Ela seria a 26ª pessoa mais rica do mundo, à frente de bilionários como Phil Knight, da Nike.

Jeff Bezos continuará sendo a pessoa mais rica do mundo, com um patrimônio líquido acima de US$ 110 bilhões. Bill Gates é o segundo, com uma fortuna estimada em US$ 99,5 bilhões.

Enquanto ainda está pendente, o acordo do divórcio de Bezos provavelmente será o maior da história mundial. Outras separações que resultaram em uma esposa bilionário incluem Steve e Elaine Wynn (ela recebeu US$ 1 bilhão) e Bill e Susan Gross (o acordo foi de US$ 1,3 bilhão).

“Em todo o nosso trabalho em conjunto, as habilidades de MacKenzie se destacaram. Ela foi uma parceira extraordinária, aliada e mãe”, disse Jeff Bezos em um comunicado publicado no Twitter.

VEJA TAMBÉM: Jeff Bezos e Mackenzie decidem se divorciar

MacKenzie também publicou uma mensagem no microblog: “Grata por ter terminado o processo de divórcio com Jeff. Feliz por dar a ele todas as minhas participações no ‘Washington Post’ e na Blue Origin, 75% de nossas ações na Amazon e mais a minha posição de controle para apoiar suas contribuições contínuas às equipes dessas empresas incríveis”.

O casal entrou com o pedido de divórcio em 4 de abril e espera que um decreto oficial seja emitido no início de julho, disseram ambos em um documento da Comissão de Títulos e Câmbio dos Estados Unidos que fazia a transferência de ações. O registro apontou que Jeff Bezos continuará exercendo controle de voto sobre as ações da MacKenzie, a menos que ela as venda no mercado aberto ou as entregue a organizações sem fins lucrativos qualificadas.

Se MacKenzie transferir suas ações, o destinatário deverá assinar um contrato semelhante para conceder o controle de voto a Jeff Bezos.


Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).