Plataforma conecta criadores e clientes

Divulgação
Gabriel e Juan, da Crowd: redução de custos com publicidade

A internet e a crescente demanda por soluções mobile têm forçado as agências de publicidade a reverem seus modelos de negócios, enxugando equipes e buscando profissionais e projetos sob demanda. Atentos a esse movimento, os publicitários Gabriel Lima e Juan Zaragoza criaram em 2016 a Crowd, startup de tecnologia e marketing que utiliza o crowdsourcing (modelo em que se usa o conhecimento coletivo para aprimorar produtos e serviços) para conectar empresas e profissionais freelancers das áreas de criação publicitária, design e fotografia.

LEIA MAIS: A receita de empreendedorismo de Henrique Fogaça

A plataforma desenvolvida pela empresa oferece soluções de inteligência e gestão de projetos, ao mobilizar gerentes internos que desenvolvem estratégias de marca e comunicação para o cliente e fazem a conexão com os profissionais habilitados para o projeto, escolhidos em meio a uma rede de 10 mil cadastrados.

A possibilidade de montar equipes sob demanda transforma o custo fixo de um projeto em variável e tem atraído agências publicitárias que buscam reduzir despesas e se adaptar à transformação do mercado. “O próximo passo será ofertar ao mercado uma versão da plataforma 100% mobile, onde o cliente poderá contratar um projeto com a agilidade de uma conversa de WhatsApp”, diz Juan Zaragoza, diretor de marketing da Crowd.

A startup começou com um investimento inicial de R$ 1 milhão, feito pelos sócios e investidores-anjos que se tornaram conselheiros, como Walter Longo (Grupo Abril, Newcomm) e José Salibi Neto (HSM). Com a ferramenta mobile, a Crowd, que faturou R$ 4 milhões em 2018, planeja dobrar a receita este ano.

Reportagem publicada na edição 65, lançada em fevereiro de 2019

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil (copyright@forbes.com.br).